domingo, setembro 30, 2007

A magia das palavras


Há alguns dias vi um filme e houve uma frase que me chamou a atenção. Não a vou enquadrar, porque ela fala por si só, e era algo deste género:

“Sr. Padre. Prefiro que um bêbedo lá na minha taverna apalpe o cu à minha sobrinha, do que este homem que lhe diz que tem um sorriso que se estende como uma borboleta!”

1 Comments:

Blogger Claudia said...

É mesmo caso para dizer sem comentários! Mas que há sorrisos que nos fazem perder há!!

Beijo sorrindo

10/02/2007 9:50 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home